Arquivo de etiquetas: divorciadas

Porque é que as divorciadas são as preferidas dos homens?

Cada vez mais é comum por parte dos homens a preferência por mulheres divorciadas, e são vários os motivos para isso.

Assim sendo, hoje iremos explicar-lhe os principais motivos associados a essa preferência. Conheça-os de seguida, e no caso de estar divorciada, aproveite.

7 motivos pelos quais os homens preferem as divorciadas

São inúmeros os motivos pelos quais as mulheres divorciadas têm a preferência por parte dos homens, quer seja para namorar ou para encontros extraconjugais. Conheça-os de seguida.

1 – Experiência

Uma mulher que esteja divorciada, é bastante mais experiente que uma jovem de 20 anos, e desta forma tem muito mais a ensinar.

Outro fator importante, é que por norma, são também um pouco mais velhas, e cada vez mais os homens preferem mulheres maduras.

2 – Sem compromisso

Uma mulher que se tenha divorciado recentemente, não está neste momento à procura do um novo namorado.

Assim sendo, estão mais disponíveis para sexo sem compromisso e para vivenciar novas experiências sexuais (como forma de ultrapassar a dor do divórcio).

3 – Sabem divertir-se

Como estiveram algum tempo presas a um casamento rotineiro, as mulheres divorciadas, querem e sabem como se divertir.

Pode convidá-las para uma festa de arromba ou para um jantar mais intimista, que elas vão adorar qualquer um dos planos.

4 – Têm um visual cuidado

Por norma, depois de passar por um período complicado (como o divórcio), a tendência é que se comecem a arranjar mais e que andem sempre com um look completamente impecável.

Assim sendo, acaba por ser mais simples atrair os homens, e fazer-se notar pelos mesmos.

5 – São confiantes

Muitas vezes o casamento acabou, mas foi simplesmente porque as mulheres assim o decidiram. Desta forma, desamarraram-se de complicações e podem simplesmente viver a vida da forma que mais desejam.

Além de tudo, a confiança é um dos vários pontos fundamentais para que uma mulher recentemente divorciada consiga encontrar o amor, ou conhecer algum num site (por exemplo) para sexo descomprometido.

6 – Estão abertas a novas experiências

Depois de um casamento monótono, as mulheres querem vivenciar novas experiências, e fazerem coisas que não faziam quando eram casadas.

Desde festas de swing até um acampamento no meio do nada, tudo será uma forma de diversão para estas mulheres.

7 – São honestas e discretas

Outro dos motivos pelo qual os homens preferem uma mulher divorciada, passa simplesmente pela honestidade e discrição das mesmas.

Uma mulher que já foi casada, sabe que não pode mentir sobre aquilo que efetivamente quer ou deseja. Assim sendo, os homens sabem que tudo o que elas que lhe disserem será verdadeiro e sentido.

Agora que já sabe 7 motivos pelos quais os homens preferem as divorciadas, não há nenhum motivo para não começar já a aproveitar a vida e a divertir-se. Vai ver que os melhores momentos ainda estão por vir, e que essa fase mais complicada irá acabar.

 

As divorciadas também têm direito ao amor!

O divórcio é um momento complicado de ultrapassar para a maioria das mulheres, principalmente porque um casamento pode terminar por diversos motivos, sendo que na maioria dos casos nem sempre os casais estão de mútuo acordo sobre os motivos. Em alguns casos, a violência, traições e outras situações semelhantes podem até causar uma espécie de barreira para a mulher, devido aos traumas com que ficaram, dificultando o momento em que elas se voltam a abrir a um novo relacionamento. Contudo, na realidade, as mulheres divorciadas também têm direito ao amor, mesmo com mais dificuldades que as restantes, conseguem encontrar novamente alguém que as ame e dê o que realmente procuram.

Encontrar mulheres separadas é bem mais comum nos dias de hoje que era antes, sendo que a maior parte delas procuram iniciar novamente a sua vida amorosa, mesmo que isso implique momentos constrangedores ou complicados no início. Estas mulheres viveram, algumas delas, casamentos de dezenas de anos, por isso é muito complicado agora abrirem-se para novos relacionamentos e para conviverem com outros homens, porém com a paciência certa, vão permitir que novos relacionamentos aconteçam na sua vida, com a naturalidade que deve ser.

Amor para mulheres divorciadas também é possível !

Depois de conviver muito tempo com a mesma pessoa, sentirá alguma retracção da sua parte para se abrir a conviver com outras, por isso é importante que mude alguns dos seus hábitos ou algumas das suas rotinas. Para ajudar, fique a conhecer algumas das nossas dicas, com base na minha experiência enquanto mulher divorciada que encontrei o amor novamente e estou bastante feliz.

Tente divertir-se

Se saiu agora de uma relação pode sentir que não tem energia para sair de casa e ir dançar com as amigas, mas na realidade, a menos que haja um milagre, não vai encontrar um novo amor se estiver sempre em casa.

Procure divertir-se, mostrando a sua beleza e o facto de estar acessível para novos encontros, porém a escolha dos locais que faz vai mostrar que tipo de companhia procura e que tipo de encontros vai conseguir.

Tenha uma boa auto-estima

Cuide da sua aparência, ponha uma boa maquilhagem e um bom conjunto de roupa, arranje o cabelo e tenha um visual atraente, assim cada vez que se olhar ao espelho vai valorizar a sua aparência e com isso ter uma auto-estima bastante razoável. É muito comum que as mulheres divorciadas estejam bastante afectadas emocionalmente e com a sua confiança muito em baixo.

Para encontrar um novo amor, terá, obrigatoriamente, que mudar essa sua postura e a sua auto-estima, pois ninguém quererá sair com alguém que não tem qualquer gosto pela pessoa que é.

Esqueça o passado de vez

Se está à procura de um novo amor, se quer mudar de vida e avançar com a esta, deve esquecer por completo todo o seu passado e relacionamentos anteriores, isto é, não pode estar num encontro com um outro homem e falar do seu relacionamento anterior ou do seu ex-marido. Nenhum homem quer saber isso e se quer soltar-se por completo é essencial que deixe o passado onde ele pertence, pois ninguém quer começar um novo amor a viver os problemas que deviam ter ficado anos atrás.